O atleta britânico Mo Farah, detentor de quatro medalhas de ouro olímpicas, assinalou hoje o regresso à competição com a vitória na meia maratona de Londres, cujo recorde no setor feminino foi batido por Eilish McColgan.

Farah, que perdeu a última prova em que tinha participado, em maio, conquistou o terceiro triunfo na corrida da capital inglesa, após os sucessos em 2018 e 2019, com o tempo de 1:01.49 horas, à frente dos britânicos Jack Rowe (1:02.04) e Jake Smith (1:02.10), segundo e terceiro classificados.

“É bom estar de volta. Adoro este circuito. Não foi fácil, mas o mais importante foi a vitória. Serviu de preparação para a maratona de Londres”, disse Farah, de 39 anos, manifestando-se “ansioso” por correr a maratona londrina, em outubro, após três anos de ausência.

No setor feminino, a escocesa Eilish McColgan impôs-se com o tempo de 1:07.35 horas, retirando mais de dois minutos ao anterior recorde da prova, que se cifrava em 1:09.51.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.