As Minnesota Lynx venceram no domingo fora as Los Angeles Sparks, por 80-69, e obrigaram a um decisivo quinto encontro na final da liga norte-americana feminina de basquetebol (WNBA).

A jogar em casa, as Sparks não conseguiram festejar perante o seu público o segundo título consecutivo e vão tentar repetir o que fizeram em 2016, quando venceram em Minnesota na ‘negra’.

Uma das grandes culpadas pelas Lynx terem levado a decisão do título para casa foi Sylvia Fowles, que marcou 22 pontos, mais quatro do que Odyssey Sims e cinco do que Nneka Ogwumike, as melhores marcadoras das Sparks.

Na quarta-feira, as Lynx vão tentar conquistar o seu quatro título em sete anos, enquanto as Sparks tentam ser a primeira equipa a vencer dois títulos consecutivos desde 2002, um feito conseguido na altura igualmente pela equipa de Los Angeles.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.