Ivan Almeida, basquetebolista cabo-verdiano do Benfica, esteve no centro da confusão que se gerou após o triunfo do Benfica sobre o FC Porto por 63-91 no Dragão Arena, que ditou a conquista do título por parte das águias.

O jogador de 33 anos tinha denunciado antes do encontro, através das redes sociais, que fora alvo de insultos racistas no Dragão Arena na quinta-feira, durante o terceiro jogo da final, que o FC Porto venceu por 65-47. Agora, este sábado, numa altura em que os encarnados já celebravam a conquista do título, o extremo cabo-verdiano mandou agora calar as bancadas e os adeptos do FC Porto, gerando grande revolta entre os jogadores azuis e brancos.

Nas redes sociais, Ivan Almeida escreveu depois: "Bem-vindos à minha selva. Racismo não, Benfica campeão", acompanhando a sua publicação com um emoji de um gorila.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.