O lendário jogador de basquetebol, Michael Jordan, doará um milhão de dólares (905 mil euros) para ajudar as Bahamas, país que foi fortemente atingido pelo furacão Dorian.

Em comunicado no Twitter, Jordan, dono da equipa da NBA Charlotte Hornets, disse que está "devastado" pela destruição causada pelo furacão Dorian no arquipélago.

Pelo menos 50 pessoas morreram e milhares tiveram de ser evacuadas das Bahamas.

"Estou devastado ao ver a destruição que o furacão Dorian trouxe às Bahamas, onde tenho uma propriedade e visito com frequência", declarou Jordan ao anunciar a sua doação.

"O meu coração está com todos os que sofrem e com os que perderam os seus entes queridos", acrescentou o melhor jogador de basquetebol da história.

Jordan disse que o seu objetivo era distribuir recursos a agências sem fins lucrativos na região onde o dinheiro "terá o maior impacto".

"O povo das Bahamas é forte e resistente, e espero que a minha doação ajude, enquanto trabalham para se recuperarem dessa tempestade catastrófica", acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.