A equipa australiana de ciclismo Mitchelton-Scott vai passar a designar-se Manuela Fundacion, anunciou hoje a formação do World Tour, na qual alinha o britânico Simon Yates, vencedor da Volta a Espanha em 2018.

A pandemia de COVID-19 levou à suspensão das provas velocipédicas e deixou a Mitchelton-Scott em dificuldades financeiras, que os responsáveis da equipa esperam ultrapassar com a ligação à organização espanhola sem fins lucrativos, com sede em Granada, e, dessa forma, manter o lugar no pelotão em 2021.

“Após um período problemático e incerto, especialmente nos últimos meses, estamos encantados por conta com o apoio de Francisco Huertas e da fundação Manuela para garantir o futuro da equipa em 2021”, afirmou o dono da formação australiana, Gerry Ryan.

A pandemia de COVID-19 já provocou mais de 418 mil mortos e infetou mais de 7,4 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.