A prestação do português João Almeida na Volta a Itália em Portugal começa a ser destacado pela imprensa internacional. Em Espanha, jornal 'El País', dedicou-lhe atenção num artigo intitulado 'Almeida, uma rosa com estilo'. O diário destacou o ataque do jovem ciclista português, que ficou a centímetros de vencer a etapa desta sexta-feira.

"Ulissi vence por meia roda, depois de um sprint apertado, à frente do inesperado João Almeida, décimo dia de rosa e empenhado, não se sabe se em ganhar o Giro ou deixar marca com a sua personalidade tão forte, juvenil, nesta sua primeira grande volta. João Almeida não pensa no dia seguinte, no qual pode aumentar ainda mais a liderança. Pensa no agora. Segue a sua inspiração e não afoga o seu desejo no medo, como os mestres do velho ciclismo aconselham. Em vez de respirar devagar, seguir na roda, prefere ser protagonista. Tenta ganhar a etapa e colorir ainda mais a corrida com a sua energia. A sua equipa puxa com força e os sprinters não chegam. Não ganha, mas termina em segundo. Seis segundos de bonificação e um nome, o seu, que dia após dia os adeptos pronunciam com mais respeito", escreve o 'El País'.

A 13.ª etapa foi ganha por Ulissi (UAE Emirates), de 31 anos, depois de cumprir os 192 quilómetros entre Cervia e Monselice em 4:22.18 horas, batendo ao ‘sprint’ o camisola rosa João Almeida (Deceuninck-QuickStep), com o austríaco Patrick Konrad (BORA-hansgrohe) a fechar o pódio da etapa.

Na geral, Almeida aproveitou os seis segundos de bonificação para estender a vantagem no primeiro lugar, com 40 segundos para o holandês Wilco Kelderman (Sunweb), segundo, e 49 para o espanhol Pello Bilbao (Bahrain-McLaren), terceiro, num dia que não provocou grandes alterações.

No sábado, o pelotão enfrenta o segundo de três contrarrelógios individuais na 14.ª etapa, entre Conegliano e Valdobbiadene, com 34,1 quilómetros, antes de uma etapa de alta montanha no domingo, em Piancavallo, seguida do segundo dia de descanso.

No ‘crono’ inaugural, João Almeida foi segundo, apenas atrás do campeão do mundo da especialidade, o italiano Filippo Ganna (INEOS), num momento chave para a atual liderança, podendo aproveitar o dia para alargar a vantagem na frente, antes da chegada da alta montanha na derradeira semana da ‘corsa rosa’.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.