A terceira etapa da Volta a França em bicicleta foi esta segunda-feira neutralizada após uma violenta queda coletiva, que afetou, entre outros, o campeão português Rui Costa (Lampre-Merida) e o suíço Fabian Cancellara (Trek), camisola amarela.

A direção do Tour decidiu parar a corrida ao quilómetro 107, antes do início da subida para o Alto de Bohisseau, a primeira subida do dia.

Quando faltavam pouco mais de 50 quilómetros da tirada, que ligar Antuérpia a Huy, na Bélgica, a queda de um corredor que seguia praticamente na frente do pelotão levou ao derrube de cerca de duas dezenas de corredores.

O incidente já levou à desistência dos holandeses Tom Dumoulin (Giant-Alpecin), do francês William Bonnet (FDJ) e do australiano Simon Gerrans (Orica-GreenEdge).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.