O alemão John Degenkolb (Giant–Alpecin) foi hoje o mais rápido no ‘sprint’ da 21.ª e última etapa da Volta a Espanha em bicicleta, que terminou em Madrid com a consagração do italiano Fabio Aru (Astana).

Com a vigésima etapa a decidir tudo na classificação geral, a última etapa da ‘Vuelta’, com 98,9 quilómetros, concluídos em 2:34.13 horas, foi um tranquilo passeio de Alcalá de Henares até à capital Madrid, terminada com um ‘sprint’ vencido por Degenkolb.

Nos metros finais, o alemão impôs-se ao holandês Danny Van Poppel (Trek) e ao luxemburguês Jean-Pierre Drucker (BMC), segundo e terceiro na etapa, respetivamente.

No que diz respeito à classificação geral, Aru foi o grande vencedor da 70.ª edição da prova, depois de no sábado ter arrecadado a camisola vermelha ao holandês Tom Dumoulin (Giant-Alpecin), naquela que foi a sua estreia a vencer uma competição de três semanas.

O espanhol Joaquim Rodriguez (Katusha), a 57 segundos, terminou a prova no segundo posto, tendo na derradeira etapa perdido a camisola verde (dos pontos) para o compatriota Alejandro Valverde (Movistar), algo que desagradou a ‘Purito’.

“É o que temos e é melhor nem pensar nisso. É a segunda vez que me faz isso. Para mim o último dia da Vuelta é de festa”, desabafou ‘Purito’.

No terceiro posto, a 1.09 minutos do líder terminou o polaco Rafal Majka (Tinkoff–Saxo), com uma dupla colombiana a fechar o ‘top5’. Nairo Quintana (Movistar) foi quarto, a 1.42 minutos e Johan Esteban Chaves (Orica-GreenEDGE), que foi uma das figuras da corrida, quinto a 3.10.

Quanto a Dumoulin, acabou por terminar como sexto da geral, a 3.46 de Aru. ‘Tramado’ pela penúltima etapa, na qual acabou por ceder face ao ataque de Aru, o holandês leva para casa o prémio de ciclista mais combativo de toda a corrida, numa atribuição justa da organização à maior revelação da edição de 2015 da Vuelta.

Quanto aos portugueses, André Cardoso (Cannondale-Garmin), na 18.ª posição, foi o melhor colocado, terminando a 23.31 de Aru, com Nelson Oliveira (Lampre-Merida), a 44.24, a ficar com o 21.º posto.

A 1:15.39 horas, no 34.º da geral, terminou José Gonçalves (Caja Rural), com Tiago Machado (Katusha) a 1:25.37, dois lugares atrás, no 36.º, e Ricardo Vilela (Caja Rural) foi 48.º, a 1:55.18 de Aru.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.