O ciclista holandês Dylan Groenewegen (LottoNL-Jumbo) venceu hoje ao ‘sprint’ a segunda etapa do Paris-Nice, marcada pelo abandono de Rui Costa (UAE Team Emirates) e pela fuga de Tiago Machado (Katusha-Alpecin).

Groenewegen concluiu a segunda etapa em 4:51.31 horas, batendo o italiano Elia Viviani (Quick-Step Floors), segundo, e o alemão André Greipel (Lotto Soudal), com o francês Arnaud Démare (Groupama-FDJ), que venceu no primeiro dia e hoje foi quinto, a segurar a camisola amarela.

O holandês, de 24 anos, foi mais forte que todos os outros num ‘sprint’ que pareceu decidido desde que passou para a frente, e continua em grande forma no início da época, somando a quinta vitória desde janeiro, entre elas duas na Volta ao Algarve.

Os 187 quilómetros, que ligaram Orsonville a Vierzon, foram animados por uma fuga de seis ciclistas, entre eles o português Tiago Machado. A escapada durou até os últimos quatro quilómetros, quando os últimos resistentes, o ciclista luso e o italiano Manuele Boaro (Bahrain-Mérida), foram alcançados.

Machado, que terminou em 72.º lugar, integrado no pelotão, segue agora na 85.ª posição da classificação geral, a 1.48 minutos de Démare, sendo que o francês lidera com uma vantagem de sete segundos para o espanhol Gorka Izaguirre (Bahrain-Mérida) e de oito para o francês Christophe Laporte (Cofidis Solutions Credits).

Antes, e depois de 20 quilómetros, Rui Costa tinha abandonado a etapa, na sequência de “dores no joelho direito, em consequência da queda de ontem [no domingo], esclareceu o Twitter da equipa do português.

Na jornada inaugural, Rui Costa terminou em 153.º e último lugar, a 17.33 minutos de Démare, depois de duas quedas.

“Obrigado à equipa pela força e a todos vocês pelo apoio moral. Ainda sofri 20 quilómetros...tentei e tentei. Mas não deu para suportar mais a dor. Toca a levantar a cabeça e recuperar para a próxima corrida”, escreveu hoje Rui Costa, na sua página oficial na rede social Facebook.

Na terça-feira, os ciclistas percorrem os 210 quilómetros entre Bourges e Châtel-Guyon, com três contagens de montanha de terceira categoria.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.