A ciclista portuguesa Maria Martins (Fenix-Deceuninck) foi hoje quinta classificada na clássica belga Ronde de Mouscron, ganha ao sprint pela italiana Martina Fidanza (Ceratizit-WNT), após ser lançada pela irmã, Arianna Fidanza.

Fidanza, de 23 anos, foi a mais forte ao longo dos 120 quilómetros com início e fim em Mouscron, batendo sobre a meta a finlandesa Anniina Ahtosalo (Uno-X), segunda, e a francesa Valentine Fortin (Cofidis), terceira.

É o maior triunfo na estrada para a jovem ciclista, já campeã mundial na pista, após a irmã mais velha, que acabou em quarto, a ter lançado de forma irrepreensível nos últimos metros, para que ninguém a conseguisse alcançar.

Quanto à olímpica ‘Tata’ Martins, o quinto lugar demonstra a boa colocação ao longo da clássica, tendo faltado maior capacidade no sprint para voltar a um pódio em que já esteve em 2021, então com o terceiro lugar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.