O ciclista uruguaio Mauricio Moreira (Efapel) consolidou a liderança do Grande Prémio Douro Internacional, após vencer a primeira das duas etapas disputadas hoje.

Da parte da manhã, em Resende, Moreira ganhou o contrarrelógio de 10,3 quilómetros, que cumpriu em 14.10 minutos, menos sete segundos do que o português José Neves (W52-FC Porto), com o também luso Daniel Freitas (Rádio Popular-Boavista) a fechar o pódio, a 11.

A curta etapa da tarde, num percurso de 66,2 quilómetros, entre Resende e Carrazeda de Ansiães, foi discutida por um grupo de fugitivos, com Gonçalo Amado (Antarte-Feirense) a vencer em 1:36.16 horas.

Com o mesmo tempo do vencedor cortaram a meta Gonçalo Carvalho (Rádio Popular-Boavista) e Gaspar Gonçalves (Tavfer-Measindot-Mortágua), segundo e terceiro, respetivamente.

Mauricio Moreira terminou a tirada na sétima posição, a 35 segundos do vencedor, e tem agora 32 segundos de vantagem sobre José Neves e 54 segundos sobre o português Frederico Figueiredo, seu colega de equipa.

A primeira edição do Grande Prémio Douro Internacional termina no domingo, com uma ligação de 148 quilómetros entre Tabuaço e Lamego.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.