O ciclista Ricardo Marinheiro sagrou-se hoje vice-campeão da Europa de eliminação em BTT, perdendo o ouro em cima da meta na pista de Tamengos, na Anadia, para o esloveno Jakob Klemencic.

“Estou a viver um misto de sentimentos. Vim a pensar numa medalha, algo que já não acontecia desde que fui vice-campeão mundial júnior, há 12 anos. Voltar a subir ao pódio, ainda por cima na categoria de elite, é incrível. Ainda tem mais sabor por acontecer em Portugal, com o apoio do público. Isso dá muitos ‘watts’ extra”, regozijou-se Marinheiro.

O português chegou a entrar na frente na reta da meta, contudo foi ultrapassado mesmo no final, numa competição em que o romeno Ede-karoly Molnar levou o bronze, superando o português Bruno Silva, quarto.

“Na corrida final, sabia que tinha de fazer um arranque muito bom e liderei a corrida toda. Após o ‘rock garden’, sabia que estava em posição de vencer, mas tinha consciência de que se trouxesse alguém na roda para a reta final seria difícil. Dei o que tinha e não me arrependo de nada. Queria uma medalha e consegui alcançá-la”, completou Marinheiro.

O selecionador Pedro Vigário elogiou os “dois grandes especialistas” portugueses entre os quatro mais fortes, alegrando-se pela confirmação da “esperança em levar uma medalha”.

Portugal foi ainda oitavo na estafeta mista (XRC), a 3.01 minutos do ouro dos Países Baixos, que se isolaram logo na segunda de seis voltas, com a formação lusa a ser composta por Ricardo Marinheiro, Mariana Líbano, João Cruz, Joana Monteiro, Artur Mendonça e Raquel Queirós.

“Estivemos muito bem como equipa. Foi a nossa melhor participação de sempre nesta disciplina. Estivemos muito coesos, na disputa dos lugares da frente até à última volta, o que para nós é uma novidade e espero que seja motivador para os nossos corredores”, elogio Pedro Vigário.

No fim de semana vai decorrer o cross country olímpico (XCO), sendo que Portugal terá 12 corredores em pista, nomeadamente Artur Mendonça, Eduardo Rodrigues, Francisco Silvestre, Guilherme Barros, Rafael Sousa e Tomás Gaspar, além de Beatriz Sousa, Catarina Lopes, Íris Chagas, Laura Simão, Mariana Líbano e Marta Carvalho.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.