Sérgio Paulinho confessou que não estará presente com a sua equipa Tinkoff no “Tour” deste ano.

Em declarações ao site do Eurosport, o ciclista justificou a sua decisão com o cansaço acumulado na participação da Volta à Itália.

“Foi opção minha porque acabei o Giro cansado e a recuperação não foi tão rápida como pensava. O Tour estava nos planos desde o início do ano, mas o Giro não. Sobretudo a última semana foi muito desgastante, aliás, falei com vários italianos que não se lembram de um Giro tão rápido. Foi visível que chegamos à terceira semana do Giro desgastados”, declarou.

Sobre o possível vencedor do Tour deste ano, Sérgio Paulinho refere que a “luta estará entre o Alberto, o Froome e o Quintana”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.