O ciclista italiano Sonny Colbrelli (Bahrain-Victorious) venceu hoje ao ‘sprint’ a terceira etapa do Critério do Dauphiné, com o austríaco Lukas Pöstlberger (BORA-hansgrohe) a conservar a liderança da geral individual.

Colbrelli, que tinha ficado em segundo nas duas primeiras etapas, conseguiu vencer ao cabo de 172,2 quilómetros em Saint-Haon-Le-Vieux, cumpridos em 3:56.36 horas.

Foi a segunda vitória este ano para o italiano, que já tinha erguido os braços na Volta à Romandia, e que ainda se aproximou do camisola amarela, que tem agora a dois segundos de distância.

Ao ‘sprint’, bateu o espanhol Álex Aranburu (Astana), segundo, e o norte-americano Brandon McNulty (UAE Emirates), terceiro. Aranburu subiu a terceiro no geral, a 18 segundos do camisola amarela, que hoje foi 23.º com o mesmo tempo do vencedor.

O pelotão conseguiu ainda controlar a fuga do dia, que tinha vingado nas duas primeiras tiradas e que, na segunda-feira, colocou Pöstlberger na liderança.

O único português em prova, Ivo Oliveira (UAE Emirates), chegou no 128.º lugar, caindo para o 142.º posto da geral.

Na quarta-feira, o pelotão enfrenta um contrarrelógio de 16,4 quilómetros entre Firminy e Roche-La-Molière, de perfil ondulado, antes de quatro etapas de montanha que decidirão o vencedor final.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.