O esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma) venceu hoje a 11.ª etapa da Volta a Espanha em bicicleta, um dia depois de ter perdido a camisola vermelha, e aproximou-se do norueguês Odd Christian Eiking (Intermarché-Wanty-Gobert), que lidera a corrida.

O bicampeão da Vuelta impôs-se na chegada a Valdepeñas de Jaén, nos últimos metros dos 133,6 quilómetros desde Antequera, com o tempo de 3:11.00 horas, gastando menos três segundos do que o espanhol Enric Mas e menos cinco do que o colombiano Miguel Ángel López, ambos da Movistar.

Com este triunfo, após anular perto da meta o esforço do dinamarquês Magnus Cort (EF Education-Nippo), e graças às bonificações, Roglic, terceiro classificado na geral, reduziu em 21 segundos, para 01.56 minutos, o atraso para Eiking, que hoje foi 10.º, a 11 segundos do esloveno.

O norueguês permanece na liderança da 76.ª edição da Vuelta, mantendo a vantagem de 58 segundos sobre o francês Guillaume Martin (Cofidis), segundo classificado.

Na quinta-feira, o pelotão da Vuelta vai enfrentar 175 quilómetros, na 12.ª etapa, entre Jaén e Córdoba, num percurso com duas contagens para o prémio de montanha, uma de terceira e outra de segunda categoria.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.