Portugal venceu a Noruega por 6-1, esta sexta-feira no Pavilhão Municipal da Póvoa de Varzim, em encontro da segunda jornada do Grupo 6 de apuramento para o Mundial 2016. Os golos foram apontados por Fábio Cecílio (6’ e 20’), Fabinho (14’), Cardinal (29’ e 33’) e Djô (39'). Para a Noruega marcou El Ghaouti (25’).

Segundo jogo e segunda vitória portuguesa nesta qualificação, e os números não foram mais expressivos por falta de eficácia tal foi o número de oportunidades.

O jogo até começou dividido nos primeiros cinco minutos, com a Noruega a optar por não recuar e fechar-se nos dez metros defensivos, deixando avisos bem cedo com remates de Barlow e Achrifi.

Se o coletivo luso não conseguia encontrar os caminhos para a baliza, haveria de ser Fábio Cecílio numa jogada individual a fazer o 1-0 (6’). A partir de então, parece que o bloqueio inicial desapareceu e Portugal partiu para o seu melhor período.

Remate atrás de remate, a seleção orientada por Jorge Braz dominava e só o guarda-redes Rakvaag adiava a mudança no marcador. Fabinho, aos 14 minutos, aproveitou uma defesa incompleta do guardião norueguês, e muito rápido surgiu no sítio certo para fazer o segundo. O 3-0 aconteceu nos últimos segundos da primeira parte novamente por Fábio Cecílio a premiar as diversas tentativas de que Portugal já tinha disposto.

Os 28 remates lusos e as 14 defesas de Rakvaag denotavam bem a diferença entre as duas seleções ao intervalo.

Na segunda parte, a equipa das quinas teve um revés aos 25 minutos. O guarda-redes Bebé fez falta sobre El Ghaouti dentro da área e a Noruega beneficiou de um pénalti. O mesmo jogador encarregou-se de bater e reduziu para 3-1.

Nada que atrapalhasse o cinco luso que depressa voltou a ampliar diferenças. Depois de mais algumas tentativas, apareceu o pivot Cardinal a mostrar o seu faro com dois golos.

Primeiro após uma boa jogada individual (29’), e depois a rematar bem na sequência de um canto (33’), com o resultado a passar para 5-1. No último minuto, Djô fecharia o resultado em 6-1.

Com mais esta vitória, Portugal passa a contar com seis pontos e lidera o Grupo 6 de apuramento para o Mundial 2016, tendo um terceiro jogo a disputar com a Roménia no domingo. Recorde-se que os dois primeiros de cada grupo seguem para um play-off que se disputará em 2016 que definirá as seleções que vão estar presentes no Mundial 2016.

Nota ainda para a importância deste jogo para Pedro Cary que cumpriu hoje 100 internacionalizações.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.