O golfista português Stephen Ferreira assinou no sábado, na terceira ronda, a sua melhor exibição no Royal Cape Golf Club (Par 72) e subiu ao 43.º lugar do Cape Town Open, torneio pontuável para o Challenge Tour.

O profissional nascido no Zimbabué, mas descendente de um avô português, concluiu a penúltima volta do torneio com 70 pancadas, duas abaixo do Par, graças a ‘birdie’ nos buracos 1, 9 e 18 e um ‘bogey’ (uma acima) no segundo ‘green’.

Depois de passar o ‘cut’ no limite, deixando para trás Ricardo Melo Gouveia, o outro representante nacional que disputou o Cape Town Open, Stephen Ferreira, de 29 anos, contabiliza agora 214 pancadas (71+73+70), duas abaixo do Par.

A liderança do torneio dotado de cerca de 170 mil euros em prémios monetários é liderada pelos sul-africanos Neil Schietekat e Jacques Blaauw e o espanhol Santiago Tarrio, todos com um agregado de 205 ‘shots’ (-11).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.