Luís Sénica reconheceu que a seleção portuguesa sentiu algumas dificuldades na partida com a França, que marcou a estreia da equipa das quinas no Europeu de hóquei em patins.

"Foi um jogo difícil. Mas, a meio da primeira parte, acertámos bem a defesa, baixámos as linhas e controlámos melhor o jogo da equipa francesa. A partir do segundo golo, o jogo passou totalmente para o nosso controlo", declarou o selecionador nacional.

Por outro lado, o capitão Valter Neves vincou a tranquilidade da seleção. "A primeira parte não correu totalmente como pretendíamos. Mas acertámos os procedimentos e a segunda parte acabou por ser mais bem conseguida. É certo que não conseguimos materializar em golo todas as oportunidades que criámos, também com muitas bolas ao ferro, mas estivemos sempre tranquilos e assim continuaremos", concluiu.

Portugal entrou a vencer esta terça-feira no Europeu, com um triunfo sobre a França por 3-1.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.