O Benfica conquistou a primeira edição da Taça 1947 de hóquei em patins, ao bater na final o Sporting, nas grandes penalidades.

Depois de um empate a três golos no tempo regulamentar e de nenhuma equipa ter marcado no prolongamento, o jogo foi decidido nas grandes penalidades. No Pavilhão Municipal do Luso, na Mealhada, o Benfica foi mais eficaz e converteu três remates, contra dois do Sporting.

No Pavilhão do Luso (Aveiro), Gonzalo Romero (sete minutos), Ferran Font (29 e 41) marcaram para os ‘leões’, enquanto Diogo Rafael (31), Nicolía (45) e Lucas Ordoñez (46) garantiram o empate para o Benfica no final do tempo regulamentar.

Com o empate a três a manter-se no final do prolongamento, coube a Nicolía dar o triunfo aos ‘encarnados’, ao marcar a grande penalidade decisiva.

Nas meias-finais o Sporting tinha derrotado o Sporting de Tomar por 5-3 e o Benfica tinha afastado a Oliveirense no desempate por penáltis. Depois de um 3-3 no final do tempo regulamentar e prolongamento, os 'encarnados' venceram nos penáltis por 4-2.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.