O piloto Alexandre Ré (Can-Am) fez história este domingo no Nacional de todo-o-terreno, ao vencer a Baja de Loulé, segunda prova do campeonato, aos comandos de um SSV, da categoria T4.

Foi a primeira vez que um veículo daquela categoria venceu a classificação geral de uma prova no campeonato português.

Alexandre Ré, que faz dupla com Francisco Esperto, gastou 4:58.55,4 horas para cumprir os 305 quilómetros cronometrados desenhados pelo Clube Automóvel do Algarve.

O espanhol Luís Recuenco (Míni) foi segundo classificado, a 5.55,3 minutos do vencedor, primeiro dos automóveis, com André Amaral (Ford Ranger) a fechar os lugares do pódio, a 14.37,4 minutos.

Nas motas, o vencedor foi o campeão nacional, António Maio (Yamaha), que deixou Bruno Santos (Husqvarna) a 4.06,7 minutos e Gustavo Gaudêncio (Honda) a 8.56 minutos.

Em moto4, Luís Engeitado (Yamaha) ganhou, ao bater Fábio Ferreira (Yamaha) por 4.06 minutos e Ruben Alexandre (Yamaha) por 08.2 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.