O Grande Prémio de Roma de Fórmula E, previsto para o dia 04 de abril, foi hoje adiado devido às medidas de contenção do surto do Covid-19 na capital italiana.

"Em consequência da emergência sanitária em Itália e das medidas governamentais para conter o vírus Covid-19, que incluem a proibição de eventos desportivos com grandes ajuntamentos de pessoas, não será possível levar a cabo o GP de Roma", anunciaram os promotores deste campeonato para veículos elétricos, em comunicado.

No mesmo documento, os promotores da Fórmula E garantem ir "trabalhar para encontrar uma data alternativa para a realização da corrida".

Após cinco rondas já disputadas, o português António Félix da Costa (DS) lidera o campeonato, com 28 pontos, contra os 19 do alemão Max Guenther (BMW).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.