O Grande Prémio de Portugal de Motocrosse foi cancelado devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje a organização, a cargo do Águeda Action Club.

"O clube aguedense encetou todos os esforços e diligências para que este Grande Prémio de Portugal fosse avante, no entanto, após avaliação, não estavam reunidas todas as condições para a realização do mesmo", anunciou o clube, em comunicado.

Este cancelamento junta-se aos já conhecidos de Turquia e Rússia.

"Estamos a passar um momento muito complicado por todo o mundo e a realidade é que esta imprevisibilidade e incerteza em que vivemos não nos dão quaisquer garantias. Obviamente, lamentamos toda esta situação", disse José Brenha, presidente do ACTIB.

Os bilhetes já adquiridos transitam para 2021, sem qualquer necessidade de atualização. Para todos aqueles que pretendam a devolução dos mesmos, deverão contactar o respetivo local de compra.

O GP de Portugal de Motocrosse estava inicialmente previsto para maio, mas foi, entretanto, adiado para 16 e 17 de outubro.

No entanto, face ao evoluir da situação, foi agora definitivamente cancelado.

O Campeonato do Mundo, no qual não milita nenhum piloto português, tem previstas 19 corridas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.