O patrão da escuderia de Fórmula 1 Racing Point, Lawrence Stroll, teve um teste positivo ao novo coronavírus que provoca a doença covid-19, depois do mesmo ter acontecido com os dois pilotos da equipa.

O mexicano Sergio Perez, em agosto, e depois o canadiano Lance, filho de Lawrence Stroll, há duas semanas, foram ingfetados e estiveram em isolamento, falhando provas do circuito.

O alemão Nico Hulkenberg substituiu Perez no Grande Prémio de Inglaterra e no do 70.º Aniversário, ambos em Silverstone, e depois correu no lugar de Lance Stroll em Eifel, Alemanha, há duas semanas.

Nico Hülkenberg está no circuito do Algarve, pronto para substituir um dos dois pilotos caso um deles volte a testar positivo.

A escuderia informou que o magnata Lawrance Stroll já tinha dado positivo em 11 de outubro, o que motivou a sua ausência nas provas na Alemanha e Rússia.

Os treinos livres para o Grande Prémio de Portugal arrancam na sexta-feira, com a primeira sessão marcada entre as 11:00 e as 12:30 e a segunda entre as 15:00 e as 16:30.

A 12.ª corrida da temporada está marcada para domingo, em Portimão, a partir das 13:10.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.