A proibição de público levou ao cancelamento da emblemática corrida de motociclismo de resistência Bol d’Or, em França, que vai ser substituída pelas 12 Horas do Estoril, em 27 de setembro, anunciou hoje a federação internacional.

“A Bol d’Or2020, que deveria encerrar o campeonato do mundo, deveria acolher os adeptos de motociclismo de resistência em Le Castelllet, no sul de França, em 19 e 20 de setembro. Na sequência do endurecimento das restrições de combate à covid-19 em França, as autoridades locais vedaram a presença de público, o que levou a organização a cancelar a corrida”, lê-se no sítio oficial da competição na Internet.

O circuito do Estoril vai receber a prova final do Mundial de resistência, que se segue no calendário às 24 Horas de Le Mans, em 29 e 30 de agosto.

“É uma enorme deceção o cancelamento da icónica Bol d’Or devido ao alargamento das restrições em França. Eu gostaria de agradecer ao circuito do Estoril, à organização do campeonato e à federação portuguesa os esforços para preparar esta corrida, em tão curto espaço de tempo”, afirmou o presidente da Federação Internacional de Motociclismo (FIM), o português Jorge Viegas.

Este anúncio ocorre no mesmo dia em que a FIM atribuiu ao circuito do Estoril a última etapa do Mundial de velocidade em motociclismo, em 18 de outubro, em substituição de Misano, em Itália.

Na sequência das alterações nos calendários devido à COVID-19, Portugal, com o circuito de Portimão, já tinha entrado nos campeonatos de Fórmula 1, em 25 de outubro, e de MotoGP, em 22 de novembro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.