O português Miguel Oliveira (KTM) terminou hoje na 11.ª posição o Grande Prémio da Austrália de Moto2 e recuperou um ponto na luta pelo título mundial.

O piloto português, que se tinha qualificado na 20.ª posição, ficou imediatamente à frente do líder do campeonato, o italiano Francesco Bagnaia (Kalex), nesta que foi a 17.ª e antepenúltima prova do campeonato.

Oliveira terminou a 8,675 segundos do vencedor, que foi o seu companheiro de equipa, o sul-africano Brad Binder e com 1,050 segundos de vantagem sobre Bagnaia.

Com este resultado, o piloto de Almada soma agora 252 pontos, ficando a 36 do primeiro lugar, ocupado pelo italiano da Sky Kalex.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.