Armindo Araújo, atual campeão nacional de ralis, partilhou hoje objetivos ambiciosos para a participação no Rali de Portugal, querendo vencer a vertente do campeonato nacional e assumir-se como o melhor piloto luso no final da prova.

"Estou muito confiante e parto com dois objetivos ambiciosos. Quero ganhar o primeiro dia para o Campeonato de Portugal de Ralis e, depois, ser o melhor corredor português no final. Vai ser difícil e um grande desafio, mas sinto que estou pronto", disse o piloto do Skoda Fabia R5 Evo.

Armindo Araújo, que lembra que os adversários "estão muito competitivos”, considerou que a gestão do carro nas diferentes etapas será fundamental para o sucesso final na corrida.

"Para o primeiro dia as etapas estão em boas condições, mas em alguns pontos temos de poupar o carro. Depois, nas etapas no Norte, apenas a de Cabeceiras parece-me que não estão tão boa, porque choveu, e tem muitas pedras na estrada. Nos três dias, temos de forçar em alguns sítios e andar com mais segurança em outros", partilhou.

Armindo Araújo disse, ainda, querer fazer uma boa prestação na categoria nacional, mas também na vertente WRC3 e, por isso, garantiu que estará "atento aos adversários portugueses, mas também estrangeiros".

O atual campeão nacional de ralis participou hoje numa conferência de imprensa ao lado do estreante André Villas-Boas e deixou um conselho simples ao treinador de futebol.

"Ele sabe que não está aqui para ganhar o rali, portanto só tem que desfrutar do momento e divertir-se", concluiu Armindo Araújo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.