O jovem de 17 anos, tricampeão mundial e recordista do mundo, foi recebido no Aeroporto Humberto Delgado por um largo grupo de colegas e amigos, e confessou que as quatro medalhas eram o objetivo, mas que nunca pensou chegar com três ouros.

Veja o vídeo

Diogo Ribeiro entrou para o livro dos recordes ao vencer os 50 metros mariposa em 22,96 segundos, melhorando a marca do russo Andrei Minakov (23,05) por nove centésimos, sendo que tudo isto foi conseguido um ano após um grave acidente de moto, que atirou o jovem de 17 anos para uma cama de hospital.

Em Lima, Diogo Ribeiro conquistou os títulos mundiais de juniores de natação nos 50 metros mariposa, com recorde mundial júnior (22,96 segundos), 50 livres e 100 mariposa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.