O surfista Frederico Morais apurou-se hoje para a terceira ronda do MEO Pro Portugal, etapa do circuito mundial, sendo o único dos três portugueses em prova a ter sucesso num dia de ondas pesadas e tubulares em Peniche.

Na ronda inaugural, ‘Kikas’ conseguiu passar diretamente à próxima fase da competição, disputada na Praia de Supertubos, enquanto Afonso Antunes e Vasco Ribeiro, ambos convidados pela organização, tiveram que enfrentar as repescagens, mas despediram-se desta terceira etapa do circuito principal da Liga Mundial de Surf (WSL).

Surf: Imagens do dia 2 do Meo Pro Portugal presented by Rip Curl

O havaiano Ezekiel Lau é o ‘senhor que se segue’ no caminho de Frederico Morais, o único atleta luso que integra a elite mundial do surf.

Kelly Slater, onze vezes campeão do mundo, e que foi um dos adversários de Afonso Antunes na ronda de eliminação, também assegurou a presença na ‘ronda dos 32’, num dia marcado pela demonstração de domínio do havaiano John John Florence nos tubos (quase) indomáveis de Peniche.

Florence, bicampeão mundial (2016 e 2017), fez a maior pontuação do campeonato até ao momento, com 17,57, obtida com o somatório das suas duas melhores ondas (9,07 e 8,50).

O período de espera do MEO Pro Portugal presented by Rip Curl, na Praia de Supertubos, em Peniche, começou na quinta-feira e prolonga-se até dia 13 de março.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.