O surfista brasileiro Filipe Toledo foi hoje eliminado na terceira ronda do Meo Rip Curl Pro Portugal, 10.ª e penúltima etapa do circuito mundial, deixando o compatriota Gabriel Medina com mais possibilidades de ser campeão em Portugal.

A derrota inesperada de Toledo frente ao francês Joan Duru permite a Medina sagrar-se campeão do circuito, que já conquistou em 2014, se vencer em Peniche e o australiano Julian Wilson, terceiro da hierarquia, não chegar às meias-finais.

Toledo, segundo do ‘ranking’, acabou por perder para o francês na última manobra, ao somar 12,10 pontos (5,43 e 6,67), insuficientes face aos 12,50 (6,50 e 6,00) obtidos por Duru.

O período de espera do Meo Rip Curl Pro Portugal prolonga-se até 27 de outubro, na praia de Supertubos, em Peniche, distrito de Leiria.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.