A seleção portuguesa feminina de ténis de mesa qualificou-se hoje para os quartos de final do Mundial por equipas, ao derrotar o Luxemburgo, por 3-1, defrontando na próxima ronda a anfitriã China.

Depois de já ter feito história com uma inédita qualificação para os oitavos de final, em Chengdu, a equipa lusa garantiu a presença nos 'quartos', nos quais terá pela frente a favorita China, que se apresenta com as três primeiras do ranking mundial e que venceu 21 títulos mundiais.

Fu Yu, 17.ª da hierarquia mundial, deu o primeiro ponto a Portugal, com um triunfo sobre a número um luxemburguesa, Ni Xia Lian (41.ª), por 3-1 (15-13, 7-11, 11-3 e 11-4).

A outra olímpica portuguesa, Jieni Shao (53.ª do mundo), também se impôs no segundo encontro da eliminatória, ao vencer Sarah de Nutte, 68.ª, igualmente por 3-1, com os parciais de 11-3, 11-5, 7-11 e 11-6.

No encontro entre as duas menos cotadas atletas dos dois países, a luxemburguesa Tessy Gonderinger, 298.ª do mundo, impôs-se à portuguesa Inês Matos, 287.ª, por 3-2 (9-11, 11-9, 11-8, 8-11 e 11-7).

Jieni Shao acabaria por garantir o apuramento português, com um triunfo sobre Ni Xia Lian, por 3-2 (11-9, 8-11, 12-14, 3-11 e 6-11).

Também presente nos oitavos de final, a seleção masculina joga na quinta-feira frente à Eslovénia.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.