A seleção portuguesa masculina de ténis de mesa perdeu hoje por 3-1 com a Dinamarca, mas já tinha assegurado a qualificação para os oitavos de final do Mundial de equipas, nos quais vai defrontar a Eslovénia.

Portugal, nono classificado do ranking mundial, tinha-se imposto nas duas jornadas anteriores à Eslováquia, por 3-1, e ao Brasil, por 3-2, garantindo dessa forma, não apenas o apuramento para a fase a eliminar do Mundial, que decorre em Chengdu, na China, mas também a vitória no grupo 6.

Sem Marcos Freitas, o jogador português mais bem posicionado na hierarquia mundial, na qual ocupa o 33.º lugar, a equipa nacional venceu um único jogo, por João Geraldo, número 49 do mundo, sobre Anders Lind, 156.º do ranking, por 3-1, com os parciais de 11-9, 11-9, 8-11 e 11-5.

Diogo Chen (692.º), que substituiu Marcos Freitas, perdeu os dois primeiros jogos que disputou no torneio, frente a Thor Christensen (891.º), por 3-0 (6-11, 9-11 e 8-11), e Anders Lind, por 3-1 (8-11, 11-6, 5-11 e 14-16), enquanto João Monteiro (83.º) foi surpreendido por Tobias Rasmussen (363.º), por 3-0, com os parciais de 12-14, 9-11 e 8-11.

A seleção portuguesa não conseguiu desforrar-se da eliminação imposta pela Dinamarca nos oitavos de final do Europeu de 2021, sofrendo o primeiro desaire na prova, que não comprometeu sequer o primeiro lugar do grupo, uma vez que tinha vantagem no confronto direto com Brasil e Eslováquia, que hoje se defrontaram, com triunfo dos sul-americanos por 3-0.

Portugal terminou em igualdade pontual com o Brasil, enquanto a Eslováquia foi terceira colocada e a Dinamarca quarta, e vai defrontar nos ‘oitavos’ a Eslovénia, 14.ª seleção mundial, na qual se destaca Darko Jocic, oitavo classificado da hierarquia individual e vice-campeão europeu.

A formação eslovena, que em Chengdu venceu a Tailândia (3-0), Porto Rico (3-1) e Estados Unidos (3-0) e perdeu apenas com a anfitriã e favoritíssima China (3-0), derrotou Portugal na final dos Jogos do Mediterrâneo de 2022, em Oran (Argélia).

A representação feminina, que se qualificou pela primeira vez para os oitavos de final de um campeonato do mundo, vai defrontar o Luxemburgo, 25.ª seleção do ranking mundial.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.