O tenista Gastão Elias assumiu hoje o estatuto de melhor português na classificação mundial, “destronando” João Sousa, que desceu 15 lugares numa tabela liderada pelo sérvio Novak Djokovic.

Gastão Elias, que esta semana conseguiu as primeiras vitórias no circuito ATP ao atingir os quartos de final do Portugal Open, subiu 10 lugares, ocupando agora a 103.ª posição da classificação, que não sofreu quaisquer alterações no “top 10”.

João Sousa, ausente do Portugal Open depois de a organização ter entregado o último “wild card” ao espanhol David Ferrer, não pôde defender pontos e é agora o 123.º da tabela.

Sousa, que regressou recentemente à competição depois de uma fratura no pé esquerdo, e Gastão Elias foram, entretanto, afastados do Masters 1000 de Madrid, ainda durante o qualifiyng.

No topo da tabela não houve alterações, e Djokovic conservou a liderança, à frente do suíço Roger Federer e do britânico Andy Murray, segundo e terceiro, resptivamente.

O suíço Stanislas Wawrinka, que no domingo derrotou o espanhol David Ferrer na final do Portugal Open, subiu uma posição, do 16.º para o 15.º lugar.

Em femininos, Maria João Koehler, afastada do Portugal Open na primeira ronda, continua a ser a melhor tenista lusa, no lugar 104, seguida de Michelle Larcher Brito, atual 135.ª da hierarquia.

Numa semana em que as melhores tenistas mundiais estiveram a preparar torneio de Madrid, não se verificaram alterações na frente da tabela, que continua a ser liderada pela norte-americana Serena Williams, seguida da russa Maria Sharapova.

Anastasia Pavlyuchenkova, que no sábado se impôs à espanhola Carla Suarez Navarro na final do Portugal Open, mantém o 19.º lugar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.