Os tenistas portugueses Pedro Sousa e Frederico Silva vão iniciar na segunda-feira a sua participação no Open da Austrália, dia em que arranca a 109.º edição do primeiro ‘major’ da época, em Melbourne Park.

O número dois nacional e 108.º do ranking ATP vai defrontar o suíço Stan Wawrinka, detentor de três títulos do Grand Slam, um dos quais conquistado em Melbourne, em 2014, na abertura da jornada de segunda-feira, às 11:00 locais (00:00 em Lisboa), na John Cain Arena.

Tal como Sousa, de 32 anos, a jogar pela segunda vez o quadro principal do torneio, desta vez frente ao 17.º cabeça de série, Frederico Silva também vai atuar no terceiro ‘court’ mais importante de Melbourne Park.

O desafio entre o esquerdino das Caldas da Rainha (184.º ATP), que vai disputar pela primeira vez o quadro principal de um ‘major’, e o australiano Nick Kyrgios, 47.º colocado na hierarquia mundial, será o último da sessão noturna, nunca antes das 19:00 locais (08:00 em Lisboa), na John Cain Arena.

Assim como Sousa e Silva, o sérvio Novak Djokovic, número um mundial, também vai iniciar a defesa do título frente ao francês Jeremy Chardy na segunda-feira, a encerrar a sessão noturna na Rod Laver Arena.

A norte-americana Serena Williams, à procura do 24.º título do Grand Slam da carreira, o austríaco Dominic Thiem, vice-campeão em 2020, e a japonesa Naomi Osaka, campeã de 2019 na Austrália, são alguns dos favoritos a jogar igualmente no primeiro dia do ‘major’ dos Antípodas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.