O sérvio Novak Djokovic, número um mundial de ténis, e o suíço Roger Federer só podem colidir na final de Wimbledon, assim ditou hoje o sorteio do ‘major’ britânico, que atribuiu adversários italianos a João Sousa e Pedro Sousa.

Principais candidatos ao título do terceiro torneio do ‘Grand Slam’ da temporada e finalistas da última edição no All England Club, em 2019, Djokovic e Federer ficaram colocados em metades opostas do quadro, o que só permitirá um encontro entre ambos na final, agendada para 11 de julho.

Depois da conquista do quinto troféu na relva londrina em 2019, o tenista de Belgrado, de 34 anos, vai iniciar a defesa do título frente ao jovem inglês Jack Draper (250.º ATP), de 19 anos, que recebeu um ‘wild card’ para o quadro principal, e poderá defrontar na segunda ronda o sul-africano Kevin Anderson, antes de um eventual embate nos quartos de final com o russo Andrey Rublev (7.º) e um hipotético confronto com o grego Stefanos Tsitsipas nas meias-finais.

Já o helvético Roger Federer, de 39 anos, que ocupa o oitavo lugar na hierarquia ATP, tem estreia marcada com o francês Adrian Mannarino (42.º) e poderá ter de medir forças com o número dois mundial, o russo Daniil Medvedev, nos quartos de final e com o alemão Alexander Zverev (6.º) ou o italiano Matteo Berrettini na penúltima fase da prova, com início agendado para segunda-feira.

Medvedev, segundo cabeça de série, terá como primeiro adversário o alemão Jan-Lennard Struff, com quem perdeu na última semana na primeira ronda do ATP 500 de Halle, e o germânico Zverev vai defrontar no desafio inaugural o holandês Tallon Griekspoor, ao passo que Tsitsipas irá jogar contra o norte-americano Frances Tiafoe e Rublev frente ao argentino Federico Delbonis.

Já os portugueses João Sousa e Pedro Sousa vão estrear-se frente a dois tenistas italianos. Enquanto o vimaranense, 120.º colocado na hierarquia ATP, vai defrontar o experiente Andreas Seppi (95.º), de 37 anos, o lisboeta, número 121 no ‘ranking’ mundial, terá em Lorenzo Sonego (27.º) o primeiro obstáculo naquela que será a sua estreia no quadro principal de Wimbledon.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.