O argentino Kevin Benavides (KTM) venceu hoje a 14.ª e última etapa da categoria das motas na 45.ª edição do rali Dakar de todo-o-terreno e conquistou a prova pela segunda vez.

Benavides, que partiu para esta derradeira jornada no segundo lugar, a 12 segundos do australiano Toby Price (KTM), gastou 01:15.17 horas para cumprir os 136 quilómetros cronometrados entre Al-Hofuf e Dammam, na Arábia Saudita, deixando Price na terceira posição da etapa, a 55 segundos, com o australiano Daniel Sanders (GasGas) em segundo, a 35 segundos.

Desta forma, o piloto argentino repete o triunfo conquistado em 2021, então com a Honda, vencendo a edição deste ano do Dakar por 43 segundos sobre Price. O norte-americano Skyler Howes (Husqvarna) foi o terceiro, a 05.04 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.