Max Verstappen caminha a passos rápidos para ser bicampeão mundial de Fórmula 1. O neerlandês tem dominado o campeonato este ano, muito por culpa do seu talento mas também pelos inúmeros 'tiros nos pés' da Ferrari, o principal concorrente da Red Bull esta temporada.

O atual campeão do Mundo lidera com 116 pontos de vantagem no campeonato face ao monegasco Charles Leclerc (Ferrari).

Este fim de semana Singapura recebe a 17.ª prova do calendário e será a primeira oportunidade para Max sagrar-se bicampeão. Para tal tem de vencer, o que seria o seu sexto triunfo seguido esta época.

Faltam apensa 164 pontos nas seis provas que restam, incluindo este do fim de semana e a corrida sprint no Brasil. Assim, bastarão duas vitórias a Max Verstappen para renovar o título… ou então apenas uma.

Para Max sair de Singapura campeão, terá de vencer a prova e esperar que Leclerc seja apenas nono ou termine num lugar pior. Se o piloto da Ferrari não pontuar, bastará a Max vencer a prova, mesmo que não fique com a volta mais rápida.

Mas se o monegasco terminar em oitavo, então Max, além de vencer, terá mesmo de assegurar que fica com o ponto extra da volta mais rápida. No final, só terá de garantir que termine com 138 pontos de vantagem sobre o segundo colocado para fazer já a festa.

Além do título que pretende renovar, Max Verstappen persegue o recorde de triunfos numa única época, neste momento na posse dos alemães Michael Schumacher e Sebastien Vettel: 13 conquistas. Schumacher conquistou 13 provas numa temporada aos volantes de um Ferrari, Vettel com a Red Bull.

Max venceu 11 das 16 corridas realizadas esta época e, para igualar os Schumacher e Vettel terá apenas de vencer duas das seis provas que restam. Com o nível que está a exibir este ano, num carro que é o mais rápido de todos, a probabilidade de igualar e ultrapassar a marca dos dois alemães é bem real.

Mas há mais recordes por bater. Se o neerlandês da Red Bull acabar a época com uma vantagem de 155 pontos para o segundo colocado (neste momento é Leclerc), igualará Vettel que foi campeão em 2013 com 155 pontos de vantagem sobre Fernando Alonso. Mais um dado para motivar 'Super Max'.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.