O piloto finlandês Kalle Rovanperä (Toyota Yaris) defende hoje a liderança no segundo dos três dias da 56.ª edição do Rali de Portugal, quinta prova do campeonato do mundo.

Rovanperä parte para este segundo dia de corrida com 10,8 segundos de vantagem sobre o espanhol Dani Sordo (Hyundai i20), que é segundo, e 26 sobre o belga Thierry Neuville (Hyundai i20), terceiro.

Este segundo dia de prova leva a caravana para o norte do país, depois de a jornada de sexta-feira ter sido disputada no centro.

O dia começa às 07:35, na primeira passagem por Vieira do Minho. Segue-se Amarante 1 (9:05) e Felgueiras 1 (10:35), antes da pausa de almoço.

À tarde, os pilotos fazem uma segunda passagem pelas mesmas especiais, às 15:05, 16:35 e 18:05, respetivamente. O dia termina com a superespecial de Lousada, às 19:05.

Já com as contas do Campeonato de Portugal fechadas no final de sexta-feira, com a vitória de Armindo Araújo (Skoda Fábia), o piloto de Santo Tirso vai defender o título honorífico de melhor piloto português, já sem a preocupação dos pontos do CPR.

Miguel Correia (Skoda Fábia) é o segundo classificado, na frente de Bernardo Sousa (Citroën C3), que é terceiro.

Quem está de volta à prova é o pelotão de 17 pilotos que participam na categoria de duas rodas motrizes do campeonato português e do Peugeot Rally Cup Ibérica.

A 56.ª edição do Rali de Portugal é a quinta das 13 provas do campeonato do mundo.

Elfyn Evans (Toyota Yaris) era o líder à partida, mas desistiu na sexta-feira, após um violento despiste sofrido em Mortágua.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.