O piloto francês Sébastien Ogier (Toyota Yaris) dominou o primeiro dia completo do Rali de Monte Carlo, prova de abertura do Campeonato do Mundo, tendo já mais de meio minuto de vantagem sobre a concorrência.

Ogier, que participa em apenas algumas provas do campeonato, venceu quatro das seis especiais do dia, terminando com 36 segundos de vantagem sobre o segundo classificado, o finlandês campeão do mundo, Kalle Rovanperä (Toyota Yaris), e 37,9 sobre o terceiro, o belga Thierry Neuville (Hyundai i20).

Começando o dia na liderança, depois da vitória nas duas primeiras especiais da prova disputadas na véspera, Ogier venceu as três classificativas da manhã.

À tarde, optou por uma toada mais defensiva, até pelo risco de furar, mas ainda venceu a segunda das três passagens.

“Estou muito satisfeito, obviamente. O risco de furar era grande pelo que levei as coisas com mais calma. Estou satisfeito por ter conseguido trazer o carro até ao fim”, comentou o piloto francês.

Rovanperä, que era quinto à entrada para este primeiro dia completo, já era terceiro após a primeira especial do dia. No intervalo ao final da manhã era terceiro, ganhando mais uma posição na primeira especial da tarde, lugar que manteve até final.

“O carro está bastante confortável para pilotar, mas, digamos assim, não é competitivo o suficiente”, frisou o finlandês, no final.

O azarado voltou a ser o britânico Elfyn Evans (Toyota Yaris), que perdeu o segundo lugar ao final da manhã devido a um furo. Durante a tarde, já não mostrou o mesmo ritmo evidenciado durante a manhã, fechado as contas na quinta posição, a 1.02,3 minutos de Ogier e atrás do estónio Ott Tänak (Ford Puma), que é quarto, a 54,2 segundos do líder.

No sábado, os pilotos enfrentam mais seis troços, com um total de 111 quilómetros cronometrados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.