"O futebol é um desporto de triplo resultado e foi isso que tivemos nos jogos dos três grandes nesta jornada. O FC Porto ganhou, o Benfica empatou e o Sporting perdeu.

Na passada sexta-feira o Benfica recebeu o Farense mas demonstrou pouco 'Faro' para o golo. Foram mais de 30 remates para marcar apenas um golo. Lembrou-me um pouco aqueles velhinhos que compram uma raspadinha todos os dias e ficam todos felizes quando meio ano depois lhes sai 50 euros.

No final do jogo, depois de um empate a uma bola, o ambiente estava mais quente do que o Instagram da Júlia Palha e se de um lado os adeptos pediam a demissão a Roger Schmidt, do outro, o alemão pedia a "demissão" dos adeptos que não sabem apoiar.

O melhor momento da noite, ainda foi o 'pirete' do Arthur Cabral aos adeptos do Benfica. É caso para se dizer, que o jogador brasileiro é sem dúvida mais eficaz com um dedo da mão do que com os dois pés juntos.

No dia de ontem o Sporting deslocou-se a Guimarães, com possibilidades de consolidar o primeiro lugar e o que fez? Espalhou-se ao comprido como azeite quente numa frigideira, perdendo  o jogo por três a dois. O Sporting tem este problema do Natal e quando lhe metem um "Pinheiro" em campo a coisa tende a complicar.

Os verde e brancos necessitam urgentemente de ir ao mercado buscar um guarda redes. Adan é bom moço, tem ar de quem ajuda a família, não lança beatas para os boieiros, mas parece uma velha rede de pesca, conforme as linhas vão rasgando, o buraco fica maior.

Já os vitorianos, desde que são comandados por Álvaro Pacheco transformaram-se completamente. O Castelo que estava em ruínas, parece agora um bonito complexo moderno renovado com aqueles nomes chiques no fim como "Deluxe" ou "Vintage". Dá o ar de até ser uma intervenção urbanística realizada pela Mota Engil sustentada por algum apoio europeu.

Neste jogo, destaco novamente a inovação tática de Amorim que substitui Huljmand por Paulinho. Perceberam? Eu também não e há malta a questionar se o Rúben Amorim já terá terminado o curso ou não. Às tantas foi concluído a um domingo como tantos outros que andam por aí. É melhor chamar a CMTV para investigar.

No Estáio do Dragão, o FCPorto recebeu o Casa Pia e olhando para os resultados dos rivais, não se fez de 'menino' bonito e afogou o ganso por três vezes, sofrendo um golo já no final.

No FC Porto destacou-se Zé Pedro, que embora tenha nome pomposo de guitarrista, o miúdo, na verdade é mesmo bom a dar uns "Xutos e Pontapés" na bola.

A equipa azul e branca leva à letra aquele velho ditado do "Quem não tem cão, caça com gato". É que vamos quase a meio do campeonato e assistimos neste momento a uma luta épica entre centrais e pontas de lança, para ver que posição será a melhor marcadora do clube. O FC Porto parece o PS nas intenções de voto, está mal, está mal, mas vai mantendo-se sempre lá em cima.

O campeonato segue ao rubro, e por intervenção divina ou simplesmente uma sorte do caraças, na próxima jornada temos um Sporting-FC Porto e um Braga-Benfica.

Estão ansiosos? Eu estou um bocadinho, não tanto como quando estreia um filme com a 'Gal Gadot', mas estou um bocadinho.

É que num campeonato tão pobrezinho, isto é do melhor que podemos pedir, vai dar barulho até ao Carnaval."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.