Se há coisa que podemos dizer sobre o Super Bowl deste ano é que o que vai acontecer em Las Vegas, não ficará só em Las Vegas. Será um jogo que poderá deixar marcas importantes especialmente fora do relvado. A cidade de Las Vegas está a engalanar-se para receber o grande jogo, com os hotéis decorados com as cores desta final e com a Sphere, a nova arena gigante de Las Vegas, a mostrar imagens dos Chiefs e dos 49ers no seu exterior.

Já os habituais anúncios durante o jogo estão todos vendidos desde novembro e pelo segundo ano consecutivo, para comprar 30 segundos de publicidade no Super Bowl, as marcas tiveram de desembolsar sete milhões de dólares. Leu bem, sete milhões de dólares por 30 segundos de publicidade. Vamos ter anúncios com celebridades como David e Victoria Beckham, Lionel Messi, Jennifer Anniston e David Schhwimmer dos 'Friends', Ben Affleck, Jenna Ortega, Chris Pratt e muitos outros que poderão aparecer em anúncios que estão guardados para a grande noite.

A entrada de Taylor Swift no mundo da NFL fez com que muitas marcas destinadas ao público feminino também quisessem comprar um anúncio, como por exemplo a Dove que já não tinha um anúncio no Super Bowl desde 2015.

Um evento que promete deixar todos de boca aberta e que terá Usher como cabeça de cartaz do Halftime Show. Mais uma vez, o artista que atua ao intervalo não vai ser pago. Porquê? Bem, a NFL cobre todas as despesas dos artistas e da sua equipa, mas a exposição do jogo faz o resto. Basta ver os números de Shakira e Jennifer Lopez em 2020. Segundo o site Newsweek, Shakira teve mais 230% ouvintes no Spotify enquanto a venda de discos de Jennifer Lopez aumentou 335%.

Quanto à atuação de Usher, o artista já confirmou que vai ter convidados e isso tem animado as redes sociais, especialmente com a ligação forte que existe entre Usher e Justin Bieber.

Outros nomes como Ludacris, Alicia Keys e os Boys II Men também têm sido apontados como possíveis convidados.

Mesmo para quem não acompanha com regularidade a NFL, motivos não faltam para ficarmos agarrados ao ecrã na noite do Super Bowl que promete bater todos os recordes de audiências. Todo o evento, desde o jogo ao halftime show terá a transmissão em exclusivo na DAZN, com os comentários em Português.

* Com André Amorim | ex-atleta, treinador e comentador de NFL na DAZN Portugal

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.