O Mindelense sagrou-se hoje, pela 15.ª vez, campeão de futebol em Cabo Verde ao empatar 2-2 com a Académica do Porto Novo na segunda mão da final do campeonato.
Na primeira mão, disputada no passado domingo em São Vicente, os "encarnados" venceram por 3-0, pelo que o 15.º título ficou selado com um agregado de 5-2.
Hoje, na partida disputada no Estádio Municipal do Porto Novo, a equipa anfitriã ainda inaugurou o marcador aos 32 minutos, por Oceano, na cobrança de um livre direto, deixando em delírio os cerca de 2.500 adeptos que encheram o estádio e abrindo a esperança na reviravolta.
No entanto, quatro minutos depois, aos 36, Dukinha, que já marcara no encontro da primeira mão e se tornou o melhor marcador do campeonato, com um total de seis golos, empatou o jogo, resultado com que se chegou ao intervalo.
E se Dukinha já tinha arrefecido o clima em Porto Novo na primeira parte, acabou por gelar o ambiente aos 78 minutos, quando, através de uma grande penalidade, apontou o 2-1. A "Micá" empataria pouco depois por Flávio, mas já nada havia a fazer.
Tratou-se de uma final inédita entre a equipa que mais vezes já conquistou o troféu, o Mindelense, agora com 15 vitórias, e uma equipa estreante na final, a Académica do Porto Novo, que estava à procura do seu primeiro título nacional.
A presença da Académica do Porto Novo, clube fundado em 1981, na final do campeonato de Cabo Verde constitui a maior proeza conseguida por um clube santantonense, por se tratar da primeira vez em que uma equipa da "ilha das montanhas" chega à final desta competição.
Por seu lado, o Clube Esportivo Mindelense, fundado em 1919, sagrou-se mais uma vez campeão de Cabo Verde.
O quadro dos vencedores do campeonato cabo-verdiano, cuja primeira edição se disputou em 1959, divide-se em duas partes, antes (15 provas) e depois (38) da independência, a 05 de julho de 1975.
Até essa data, a região da ilha de São Vicente conquistou nove títulos, repartidos pelas equipas do Mindelense (seis), Académica do Mindelo (dois) e Castilho (um).
As restantes seis edições foram ganhas pelas equipas de Santiago Sul: Sporting da Praia (dois), Travadores (dois), Boavista (um) e Académica (um).
A partir de 1975, o Mindelense juntou-se hoje ao Sporting da Praia, com nove títulos, seguido pelos Travadores de Santiago (quatro), Académica do Mindelo (três), FC Derby (três) e da Boavista da Praia (três).
Castilho (São Vicente), Botafogo (Fogo), Académica da Boavista (Boavista), Amarante (São Vicente), 11 Unidos (Maio), Sal-Rei (Boavista) e Académico (Sal) têm um título nacional cada.
No cômputo geral, o Mindelense conta com 15 títulos, e o Sporting da Praia 11.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.