Após a derrota (0-1), sábado, frente ao "arquirrival" 1.º de Agosto, o Petro de Luanda começou, na tarde deste domingo, a preparar o jogo com o Gor Mahia FC do Quénia, referente à segunda jornada do grupo D da Taça da Confederação Africana de Futebol, a ter lugar quarta-feira, a partir das 16 horas, no Estádio 11 de Nov

Virado a componente física, o treino de aproximadamente cinquenta minutos decorreu a porta fechada, no complexo do “Catetão”.

Para o jogo frente aos quenianos, o Petro, único representante angolano nas Afrotaças, vai contar já com a integração do seu “capitão”, Job, ausente na primeira jornada na derrota (1-2) com os argelinos do Hossein Day, devido a uma lesão nas costas.

O trio de arbitragem para o duelo com o Gor Mahia chega a Luanda na tarde desta segunda-feira, proveniente da Eritreia, devendo ser chefiado por Tsegay Mogos Teklu, coadjuvado por Berhe Tesfagiorghis e Suleiman Ali Salih.

Na primeira jornada o Gor Mahia FC venceu o Zamalek do Egipto por 4-2, e ocupa o primeiro lugar do grupo com três pontos, os mesmos que o Hessein Day, na segunda posição, enquanto o Petro e Zamalek ainda não pontuaram.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.