O incidente protagonizado por Eric Dier, que subiu à bancada para confrontar um adepto após a eliminação do Tottenham de José Mourinho da Taça de Inglaterra de futebol, está a ser investigado pela federação inglesa (FA), foi hoje anunciado.

O internacional inglês Eric Dier, de 26 anos, que se transferiu do Sporting para o Tottenham em 2014, subiu a uma das bancadas para confrontar um adepto, no final do jogo que ditou quarta-feira a eliminação do Tottenham nos oitavos de final da Taça, alegadamente por este estar a importunar o seu irmão.

Vários vídeos captaram o inusitado momento que mostra Eric Dier, no final do jogo com o Norwich (1-1, 2-3 após grandes penalidades), a subir à bancada em direção a um adepto e a ser barrado por elementos da segurança enquanto gritava “ele é meu irmão”.

O treinador José Mourinho justificou a situação na conferência de imprensa no final do jogo, que ditou a eliminação do Tottenham nos oitavos de final da Taça de Inglaterra, com o facto de o jogador ter sido insultado e a família provocada.

“Essa pessoa insultou o Dier, o irmão mais novo não estava satisfeito. Como profissionais, não podemos fazer o que ele fez, mas talvez todos o fizéssemos. Percebo o que ele fez”, disse.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.