O treinador português Leonardo Jardim deixou o comando técnico do Al Hilal, anunciou hoje o clube da Arábia Saudita, que revelou que as duas partes chegaram a acordo para o fim do contrato.

“A direção do Al Hilal liderada por Fahad Bin Saad Bin Nafel decidiu assinar um acordo para a rescisão de contrato com o técnico Leonardo Jardim. Expressamos a nossa gratidão e apreço pelo seu trabalho durante a permanência no clube, desejando sucesso e a melhor das sortes na sua carreira”, refere o clube em comunicado.

O técnico português liderou o Al Hilal no Mundial de clubes, levando a equipa ao quarto lugar. Depois de perder nas meias-finais frente ao Chelsea (1-0), a equipa foi de novo derrotada no jogo de atribuição do terceiro lugar, por 4-0, com o Al-Ahly.

Leonardo Jardim, de 47 anos, já passou pelo Mónaco (França) e Olympiacos (Grécia), tendo treinado também, em Portugal, Sporting, Sporting de Braga, Beira Mar, Chaves e Camacha.

O Al Hilal anunciou, pouco depois, que o argentino Ramón Díaz vai assumir o comando técnico da equipa, regressando ao clube onde já tinha trabalhado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.