Mais um fim de semana de futebol internacional, com os portugueses em ação. William Carvalho, André Silva e Gonçalo Guedes estiveram em destaque ao fazerem o 'gosto' ao pé na La Liga.

Golos portugueses em fim de semana polémico na La Liga

Começando pelo país vizinho, o português Gonçalo Guedes apontou um golo na goleada do Villarreal sobre o Granada (5-1), em jogo da ronda 27 da La Liga. O jogador luso foi lançado no segundo tempo rendendo Gerard Moreno, marcando logo à passagem do minuto 47. Sorloth, que apontou um hat-trick e o francês Etienne Capoue apontaram os restantes tentos.

No embate entre Atlético de Madrid e Bétis, dois jogadores lusos estiveram em destaque pela positiva e pela negativa. Rui Silva, guardião dos andaluzes, fez um autogolo e deu vantagem à equipa da casa. Em cima do intervalo, Morata colocou o resultado em 2-0. Já no segundo tempo, William Carvalho que entrou no segundo tempo marcou um golaço de fora da área e estabeleceu o resultado final.

# Equipa P J
1 Real Madrid 78 31
2 Barcelona 70 31
3 Girona 65 31
4 Atl. Madrid 61 31
5 Atl. Bilbao 57 31
6 Real Sociedad 50 31
Mais sobre Primera División

O Barcelona não aproveitou o deslize do Real Madrid, tendo falhado ao assalto ao segundo lugar, que é ocupado pelo Girona, ao empatar no estádio do Athletic Bilbau (0-0). João Cancelo foi totalista nos blaugrana, João Félix foi lançado ao minuto 76.

Real Madrid e Valência empataram a duas bolas, numa partida que ficou marcada pela polémica (2-2). Bellingham ainda fez o 3-2 no último lance do encontro, mas o árbitro Gil Manzano acabou o jogo, com a bola no ar aos 98'40". Na sequência da confusão que seguiu, Bellingham viu o cartão vermelho direto.

Vinícius Júnior foi protagonista com dois golos apontados (45+5 e 76). Hugo Duro e Roman Yaremchuk apontaram os golos do valencianos.

André Silva estreou-se a marcar na La Liga, mas não conseguiu evitar a derrota da Real Sociedad por 3-2 ante o Sevilha. O jogador português marcou aos 45+5 minutos.

City leva a melhor no dérbi com o United

Em Inglaterra e no jogo grande da jornada 27, Manchester voltou a pintar-se de azul, com os citizens a venceram por 3-1 no dérbi da cidade. Phil Foden foi o protagonista maior da partida ao apontar dois golos. Haaland também fez o golo da praxe.

# Equipa P J
1 Man. City 73 32
2 Arsenal 71 32
3 Liverpool 71 32
4 Aston Villa 63 33
5 Tottenham 60 32
6 Newcastle 50 32
Mais sobre Premier League

Na equipa dos 'red devils', Bruno Fernandes e Diogo Dalot foram titulares. Nos citizens, Rúben Dias e Bernardo Silla foram apostas no onze. Rashford apontou o golo da equipa de Old Trafford, depois de assistência do médio luso.

O líder Liverpool venceu com um tento do ex-benfiquista Darwin Nuñez que marcou já próximo do final da partida, no embate frente ao Nottingham Forest (1-0), de Nuno Espírito Santo.

Em outros jogos da jornada, o Fulham, de Marco Silva e sem João Palhinha (castigo) somou um triunfo claro frente ao Brighton (3-0). Já o Wolverhampton, com José Sá, Toti, Nelson Semedo e Pedro Neto no onze foi derrotado pelo Newcastle por 3-0, com golos de Alexander Isak, Anthony Gordon e Livramento.

Lille vence, PSG e Mónaco anulam-se

Na liga francesa, o Lille de Paulo Fonseca venceu hoje pela margem mínima (1-0) no reduto do Reims. Jonathan David marcou o único golo da partida.

Veja a classificação

Mónaco e PSG anularam-se no embate entre as duas equipas (0-0). Vitinha e Gonçalo Ramos foram titulares nos parisienses, numa partida marcada pelo regresso de Nuno Mendes que entrou ao minuto 59.

Juventus derrotada no San Paolo, Inter agradeceu

Na Série A, a Juventus perdeu em Nápoles (2-1) e quem agradeceu foi o líder Inter.

O georgiano Khvicha Kvaratskhelia colocou os anfitriões em vantagem, Chiesa ainda empatou, mas Giacomo Raspadori acabou por oferecer o triunfo aos napolitanos. A Atalanta, que defronta o Sporting nos oitavos da Liga Europa, foi derrotada na receção ao Bolonha por 2-1.

# Equipa P J
1 Inter 83 32
2 Milan 69 32
3 Juventus 63 32
4 Bolonha 59 32
5 Roma 55 31
6 Atalanta 50 30
Mais sobre Serie A

A Lazio, que acabou reduzida a oito unidades, foi derrotada em casa pelo AC Milan (1-0).

O único golo da partida foi apontado por Noah Okafor. Rafael Leão foi titular e viu um golo seu ser invalidado à passagem do minuto 77.

Já a Roma somou a sexta vitória sob o comando de Daniele de Rossi, desde que José Mourinho deixou o clube. Desta feita os romanos golearam o Monza por 4-1, em partida a contar para a 27.ª jornada da Liga Italiana.

Leverkusen aproveita deslize do Bayern para reforçar  liderança

Na Alemanha, o Leverkusen soma e segue na Bundesliga. Desta feita bateu o Colónia por 2-0, em partida da 24.ª jornada. Jeremie Frimpong (38 minutos) e do ex-benfiquista Grimaldo (73) marcaram os golos da equipa orientada por Xavi Alonso. Já o Bayern voltou a marcar passo depois de empatar em casa frente ao Friburgo (2-2). São já 10 pontos de vantagem que separam o Leverkusen do campeão alemão.

Na Arábia Saudita, o Al Hilal somou a 25.ª vitória consecutiva depois de bater o campeão em título Al Ittihad, por 3-1, em partida da 22.ª jornada da liga saudita.

Rúben Neves foi titular na equipa orientada por Jorge Jesus. O Al Hilal lidera o campeonato com nove pontos de vantagem sobre o Al Nassr de Cristiano Ronaldo e Luís Castro.

Faltam duas vitórias ao conjunto de Jesus para bater o recorde mundial de vitórias consecutivas e inscrever o seu nome no Guiness. O Al Nassr sem Ronaldo (castigo) empatou (4-4) na receção ao Al Hazem, com Talisca a apontar um hat-trick.