Numa recente entrevista à revista Panenka, André Gomes admitiu que não está a viver um bom momento no Barcelona, nomeadamente que tem vergonha de sair de casa em alguns momentos.

Jorge Valdano, antigo jogador e diretor desportivo do Real Madrid, saiu em defesa do internacional português, recordando um caso que marcou a sua carreira de futebolista.

"Este problema afeta todo o mundo. O Camacho antes de entrar em campo tinha de vomitar", contou Valdano à beIN SPORTS, referindo-se ao ex-treinador dos 'merengues' e do Benfica.

"Ele vomitava por excesso de responsabilidade e ninguém pode acusá-lo de fraqueza, antes pelo contrário. Ele é um símbolo de coragem, mas o relacionamento com o público não é uma tarefa menor e logicamente coloca alguma pressão. Em alguns isso manifesta-se a vomitar, outros dormem mal na noite anterior e este miúdo [André Gomes] não consegue relacionar-se com o jogo de uma forma natural", salientou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.