Já se conhece a sorte das equipas portuguesas na Liga dos Campeões. O Benfica vai reencontrar José Mourinho, com o Manchester United, enquanto que o FC Porto reencontra antigos jogadores contra Mónaco e Besiktas. Já o Sporting terá uma missão muito difícil contra Barcelona e Juventus.

O Benfica vai integrar o Grupo A da Liga dos Campeões juntamente com o Manchester United, de José Mourinho, Basileia e CSKA, segundo ditou o sorteio desta quinta-feira, no Mónaco.

De referir que o duelo com os 'red devils' marca o reencontro de Victor Lindelof com a antiga equipa, depois de ter rumado a Old Trafford neste defeso.

Já O FC Porto está inserido no Grupo G da da Liga dos Campeões 2017/18 e o primeiro adversário conhecido foi o Mónaco, com Leonardo Jardim a regressar a Portugal, assim como Falcao e Moutinho, antigos jogadores portistas.

A segunda equipa a sair na sorte (ou azar) aos Dragões foram os turcos do Besiktas, com mais dois regressos ao FC Porto, sendo eles os de Ricardo Quaresma e Pepe.

Por último, os estreantes alemães do Leipzig juntaram-se à equipa portuguesa no Grupo G.

O Sporting, por outro lado, também já conhece a sua sorte (ou falta dela) na Liga dos Campeões. A equipa portuguesa foi integrada no Grupo D, com Barcelona, Juventus e Olympiacos

Não será uma tarefa fácil para o emblema 'leonino', que terá de medir forças com a hexacampeã italiana e com o vice-campeão espanhol, para além do campeão grego.

A final da Liga dos Campeões realiza-se a 26 de Maio de 2018, no Estádio Olímpico de Kiev, palco da final do Euro 2012.

DATAS DOS JOGOS

1.ª jornada: 12 e 13 de setembro

2.ª jornada: 26 e 27 de setembro

3.ª jornada: 17 e 18 de outubro

4.ª jornada: 31 de outubro e 1 de novembro

5.ª jornada: 21 e 22 de novembro

6.ª jornada: 5 e 6 de dezembro

Quanto ao prémio de Melhor Jogador da Liga dos Campeões 2016/17, sem surpresas, saiu mais um troféu para Cristiano Ronaldo. O internacional português bateu a concorrência do argentino Lionel Messi (Barcelona) e do italiano Gianluigi Buffon (Juventus).

É mais um prémio a coroar uma temporada de excelência do português, que ajudou o Real Madrid a revalidar o título na Liga dos Campeões.

Cristiano Ronaldo, recorde-se, já tinha sido eleito jogador do ano da UEFA em duas ocasiões (2014 e 2016).

Esta temporada, na liga milionária, cumpriu 13 jogos, tendo ainda somado 12 golos e seis assistências.

Lieke Martens, jogadora holandesa do Barcelona, venceu o prémio de Jogadora do Ano para a UEFA. Na corrida estavam também Pernille Harder (Wolfsburgo) e Dzsenifer Marozsán (Lyon).

A UEFA também atribuiu prémios para cada setor: Cristiano Ronaldo (Melhor Avançado), Modric (Melhor Médio), Buffon (Melhor Guarda-redes) e Sergio Ramos (Melhor Defesa).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.