"É difícil, mas possível. É um jogo de 50/50. Foi um sorteio difícil", resumiu o treinador francês, que vai encontrar os "dragões" pela terceira vez nas últimas quatro épocas.

Wenger deixou elogios à experiência dos tetracampeões portugueses, mas espera tirar partido do factor "casa": "Está sempre na Liga dos Campeões, é um adversário difícil de defrontar. A pequena vantagem é que disputamos o segundo desafio em casa, mas é importante fazer um bom resultado no primeiro jogo, tentando marcar fora".

O técnico recorda o mais recente embate, na época passada, com goleada 4-0 em casa - "fizemos um jogo muito bom" - e o desaire 2-0 no Dragão, mas na altura já com os "gunners" apurados, pelo que apresentaram uma equipa de segundas linhas.

As equipas defrontam-se primeiro no Estádio do Dragão a 17 de Fevereiro e decidem a eliminatória a 09 de Março, no Emirates Stadium

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.