Carlos Tevez explicou esta quarta-feira a sua versão dos factos ocorridos ontem, quando alegadamente se recusou a entrara em campo em Munique, perdia o Manchester City por 2-0, resultado que se verificou no final.

«Houve uma confusão no banco e acho que isso pode ter provocado mal-entendidos sobre a minha posição. Nunca me neguei a jogar», disse o avançado argentino.

No entanto, não quis explicar o que de facto sucedeu: «Eu aqueci e estava pronto para entrar. Não é o momento de entrar em detalhes, mas quero deixar claro que nunca me neguei a jogar», frisou.

O Manchester City perdeu ontem no reduto do Bayern de Munique, por 2-0, em jogo da segunda ronda da fase de grupos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.