Manchester United empata em Old Trafford com Rangers. Inter empata com o Twente na Holanda. Werden Bremen empata com o Tottenham 2-2. Valência, vitorioso no terreno dos turcos do Bursaspor. FC Barcelona goleia Panathinaikos por 5-1.

O colectivo de Jorge Jesus, que voltou aos triunfos depois do desaire sofrido em Guimarães (2-1) na sexta-feira, somou os três pontos na "Champions" e está em primeiro, com mais um golo marcado do que o Lyon, em igualdade pontual com a equipa portuguesa.

Com um golo de Bastos, aos 21 minutos, os franceses venceram os alemães do Schalke 04, que actuaram desde os 38 minutos com menos uma unidade após a expulsão de Howedes.

As surpresas da ronda inaugural foram protagonizada pelos holandeses do Twente, ao imporem um empate 2-2 na recepção ao Inter de Milão, campeão europeu em título, e pelos escoceses do Rangers, que arrancaram um nulo em Old Traford.

O Twente esteve a perder, após um golo de Sneijder (13 minutos), mas Janssen igualou para o Inter na transformação de um livre directo (20).

Milito foi infeliz, aos 30, e o auto-golo da sua autoria possibilitou aos holandeses a vantagem durante 11 minutos, até ao momento em que Eto'o fez o 2-2.

No outro jogo do Grupo A, o Werden Bremen empatou também 2-2, depois de ter estado a perder por 2-0.

Aos 13 minutos, Pasaren fez auto-golo e Crouch, aos 18, ampliou para 2-0, mas Hugo Almeida, titular na equipa alemã, reduziu para 2-1 antes do intervalo (43), para quatro minutos depois Marin fazer o 2-2.

No Grupo C, Manchester United, sem Nani, não conseguiu mais do que um empate pouco lisonjeiro em casa com o Rangers, num encontro arbitrado pelo português Olegário Benquerença.

Antonio Valencia, dos "red devils", saiu em maca aos 58 minutos, aparentemente com uma lesão grave.

O líder do Grupo C é o Valência, vitorioso no terreno dos turcos do Bursaspor, por 4-0, com golos de Ricardo Costa (16), Aduriz (41), Pablo Hernández (68) e Soldado (76).

Miguel foi suplente não utilizado nos espanhóis do Valência e Manuel Fernandes foi opção para os nove minutos finais do jogo.

A goleada da jornada inaugural da edição de 2010/11 da Liga dos Campeões foi obtida pelo FC Barcelona, que, em Camp Nou, aplicou 5-1 ao Panathinaikos, em jogo do Grupo D.

 A equipa grega começou bem e marcou, logo aos 20 minutos, por Govou, mas os "blaugrana" embalaram para a goleada após o golo de Messi, aos 22.

Villa (33), outra vez Messi (45), Pedro Rodríguez (78) e Daniel Alves (90+3) marcaram para o Barcelona, que reparte a liderança com o Copenhaga, que venceu por 1-0 em casa os russos do Rubin, com um golo de N'Doye, aos 87.

Na quarta-feira disputam os encontros dos grupos E, F, G e H.

Neste último agrupamento, o Sporting de Braga visita o Arsenal, no primeiro jogo do clube bracarense na fase de grupos da Liga dos Campeões.

- Grupo A
Twente, Hol – Inter Milão, Ita, 2-2
Werder Bremen, Ale – Tottenham, Ing, 2-2

- Grupo B
Lyon, Fra – Schalke, Ale, 1-0
Benfica, POR – Hapoel Telavive, Isr, 2-0

- Grupo C
Manchester United, Ing – Glasgow Rangers, Esc, 0-0
Bursaspor, Tur - Valência, Esp, 0-4

-     Grupo D
FC Barcelona, Esp – Panathinaikos, Gre, 5-1
FC Copenhaga, Din – Rubin Kazan, Rus, 1-0

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.